NMC #093 – Vilanias

O que leva a sociedade a abraçar, de maneira tão ampla, criaturas tão detestáveis? Porque os mocinhos não tem a torcida na qual os vilões se inserem?

, por Thiago Arzakom

NMC #093 – Vilanias

O que leva a sociedade a abraçar, de maneira tão ampla, criaturas tão detestáveis? Porque os mocinhos não tem a torcida na qual os vilões se inserem?

, por Thiago Arzakom

O que tem em comum as moças Laura Prudente da Costa, Flora Pereira da Silva, Maria de Fátima Accioly, Carmen Lúcia, Elizabeth Falcão e Maria Altiva Pedreira de Mendonça e Albuquerque? Acertou quem respondeu que o Brasil se apaixonou por elas. E que elas são capazes inclusive de matar, entre outras coisas.

Com o surgimento da Cora, de Drica Moraes, o país vive novo caso de amor por um vilão; além de ter escolhido a Malévola de Angelina Jolie pra ser a maior bilheteria do ano nos cinemas. Mas o que leva nossa sociedade a abraçar, de maneira tão ampla, criaturas tão detestáveis? Porque os mocinhos da dramaturgia não conseguem chegar perto da torcida na qual os vilões se inserem?

O Não Me Critica dessa semana vai divertir você lembrando dessas pestes maravilhosas, mas também refletir sobre quais motivos levam a essa identificação. Thiago Arzakom, Francisco Carbone e Elmer Dias exorcizam seus demônios assumindo a aproximação com tantos malvados e divertindo vocês nesse NMC imperdível. Prepara a maçã envenenada e se joga!

[iframe src=”http://html5-player.libsyn.com/embed/episode/id/3045364/height/360/width/640/theme/legacy/direction/no/autoplay/no/autonext/no/thumbnail/yes/preload/no/no_addthis/no/” height=”360″ width=”640″ class=”podcast-iframe”]

Download – (clique com o botão direito e selecione “Salvar como…”)
Assine no iTunes

Quer sugerir um tema para o podcast?

Envie suas críticas, sugestões, dúvidas e opiniões sobre o assunto para voucriticar@naomecritica.com.br.

naomecritica.com.br
facebook.com/NaoMeCritica
twitter.com/NaoMeCritica

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *